Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2012

Way Back Machine - Internet Archive

Você alguma vez já se perguntou se os grandes sites, portais de notícias e blogs mantém um arquivo de seus designs e edições anteriores? Eu também não. Mas existe um site que faz isso desde 1996! O tal site é o Way Back Machine e funciona como um arquivo da internet, com mais de 150 bilhões de páginas! 

      A ferramenta é muito fácil de usar. É só digitar o endereço que você quer pesquisar e escolher as datas disponíveis. Em média, são três registros por mês de 96 para cá. Muito interessante e divertido! É só clicar AQUI e fazer sua viagem no tempo!

Mallu Magalhães - Pitanga

Mallu Magalhães cresceu e amadureceu, e não apenas fisicamente como pode se perceber na foto. Sua música evoluiu bastante, com claras influências de seu namorado, Marcelo Camelo. E seu último disco, "Pitanga", é delicioso.

      Depois de surgir aos 15 anos como um novíssimo talento da música, e toda super-exposição que veio a seguir, Mallu lançou dois bons discos homônimos. Mas ambos álbuns são baseados em seu estilo voz e violão, com poucas variações, principalmente no segundo, onde ensaia algumas mudanças.

      Neste seu terceiro disco, "Pitanga", Mallu mostra todo seu potencial como cantora e compositora. Destaque para as deliciosas "Baby I'm Sure", "Velha e Louca" e "Sambinha Bom".       Seguem alguns clipes dessas músicas e um belo teaser do álbum "Pitanga" feito por Camelo, exaltando sua musa.




A Árvore Da Vida - Terrence Malick

Profundo, sensível e espiritual. O filme de Terrence Malick é contemplativo e ao mesmo tempo arrebatador! "A Árvore Da Vida" é uma grande reflexão sobre a vida, Deus e a natureza humana. 

      Com uma captação de imagens belíssima e impressionante, o longa-metragem mescla diversas cenas da natureza inabitada, selvagem, grandiosa, em contraste com flagrantes da vida de Jack (Hunter McCrack) e sua família (Brad Pitt - o pai, a bela Jessica Chastain - a mãe, e dois irmãos menores) nos anos 50/60. O clima intimista das sequências familiares se intensifica pelos poucos diálogos, e pela ênfase nas reflexões em off. O personagem de Jack também é vivido por Sean Penn nos dias atuais, aéreo e pensativo, absorto em cenários imensos.       No foco central, Jack ainda garoto  entra em conflito com o pai, rigoroso ao extremo, mas amável, que ele admira, respeita e abomina. Em contrapartida, sua mãe presente e carinhosa, eclipsada pelo marido, tenta lhe dar apoio na transição para…

Crônicas - Volume Um - Bob Dylan

Alguns livros são tão bons, que se tem ânsia de devorá-los e avançar a leitura o mais rápido possível para adentrar cada vez mais naquele universo. Outros, de tão deliciosos, dão vontade de se demorar muito mais, como se saboreando um ótimo vinho. Este é o caso de "Crônicas" do lendário Bob Dylan. Percebe-se de imediato, que sua alquimia com as palavras vai além das letras de suas canções. O texto é tão bom, tão cheio de nuances, riqueza e poesia, que tenta-se economizar na leitura, para o livro durar mais.

      Com 50 anos de carreira completados em 2012, e quase 50 álbuns oficiais, Bob Dylan é um dos maiores nomes da música de todos os tempos. Lenda viva inegável, sua maior criação foi ele mesmo, se reinventando ao longo de sua carreira. Isto ele deixa bem explícito no livro, principalmente ao contar seu início em Nova Iorque, e as gravações dos álbuns "New Morning" e "Oh Mercy".        O livro não é exatamente uma autobiografia, é mais um auto-r…